Meliponicultores de Santa Catarina

Comunidades // Sul // Santa Catarina (SC)

A Comunidade inclui meliponicultores de diversos territórios do estado de Santa Catarina e é composta por agricultores familiares que criam abelhas Melipona (sem ferrão) e a maior parte do mel é mantida para o consumo doméstico. O grupo organiza encontros para troca de experiências, criar soluções e melhorar a produção, transformação e comercialização.

As abelhas são domesticadas para habitarem em colmeias especiais dentro de caixas de madeira, em meio à mata nativa. O mel é recolhido uma ou duas vezes por ano, dependendo da região. O mel é retirado por drenagem ou sucção, envasado em frascos de vidro de 70 gramas e depois passa por um processo de estabilização para que não ocorra nenhuma fermentação indesejada.  Na extração do mel, preserva-se uma quantidade para a alimentação das próprias abelhas. A produção de mel é 100% natural e não envolve qualquer ação de agentes químicos, de forma a preservar  bem estar das abelhas..

Com a criação das abelhas sem ferrão, a Comunidade desempenha um papel social e ambiental importante, pois é a principal ferramenta para a preservação e reprodução das abelhas Melipona, que estão em risco de extinção. A meliponicultura ainda ajuda a mata nativa em sua regeneração e perpetuação, tendo em vista que são grandes polinizadoras da flora local.

O mel das melíponas tem qualidades organolépticas muito especiais, cada espécie tendo características de cor, aroma e sabor distintas. É comercializado diretamente para o consumidor final e todos os que apreciam o mel são convidados a conhecer a produção local e conhecer mais sobre as Melíponas.

O mel de abelhas Melipona faz parte da identidade cultural da comunidade e é usada como medicamento e como ingrediente de pratos típicos. Atualmente é possível encontrar cerca de 15 espécies de abelhas sem ferrão no estado de Santa Catarina.

 

Estado/Região/Território: Santa Catarina/Região Sul

Esta Comunidade do Alimento foi revisada pelo projeto:

Logo Novo Projeto site copy

 

Outras Comunidades

Comments:

Jesús Infante
4 de junho de 2021

Bom Dia. Saudações da Amazônia venezuelana. Parabéns pelo ótimo trabalho que vem realizando pela organização dos Meliponicultores daquela Região. Aqui na Venezuela, fazemos um trabalho semelhante há uma década, com os pequenos meliponicultores. Apoiamos, com treinamento e pesquisas, a melhoria do nosso relacionamento com as abelhas e com o meio ambiente em geral. Saudações e avante com esse interessante trabalho. Jesús Infante. Ing. Agronomist MSc.

Jesús Infante
4 de junho de 2021

Bom dia Saudações da Amazônia venezuelana. Parabéns pelo ótimo trabalho que vem realizando pela organização das Meliponiculturas no estado de Santa Catarina. Aqui na Venezuela, temos feito um trabalho semelhante há uma década, com pequenos agricultores melipônicos em comunidades indígenas. Apoiamos, com treinamento e pesquisas, o aprimoramento do relacionamento com as abelhas sem ferrão e com o meio ambiente em geral. Saudações e avante com este interessante trabalho. Jesus Infante. Ing. Agronomist MSc. Puerto Ayacucho, Amazonas. Venezuela

Deixe um comentário: